Júlio Posenato

EST/EDUCS

1983, 600 páginas

Esgotado

Posenato Arte & Cultura

1997, 560 páginas

Esgotado

Exclamação, 2020, 862 páginas

Formato: E-book Kindle

Disponível em

Os três livros abordam, de forma pioneira, a produção arquitetônica dos imigrantes e seus descendentes nesses Estados do Brasil, analisando conceito, características, fatores, períodos, construções provisórias, materiais, funções da arquitetura (urbana, rural, religiosa, industrial, comercial, comunitária), vias de transporte e comunicação, técnicas e elementos construtivos, elementos ornamentais, arquitetura aculturada, valorização e salvaguarda.

Obra inovadora, que expõe, didaticamente, as várias etapas de uma pesquisa em arquitetura: preparação da pesquisa, consulta à produção correlata, pesquisa de campo, documentação fotográfica, levantamento gráfico, análise e classificação, graficação em arte final, redação, publicação, patrocínios e apoios.

Pesquisando arquitetura (Corag/CAU-RS, 2016, 408 páginas, esgotado);
Pesquisando arquitetura: manual de procedimentos (2ª edição: Exclamação, 2020, 420 páginas)
Disponível em

Em 1987, Júlio Posenato realizou uma pesquisa de campo sobre a arquitetura nas Regiões do Norte da Itália. Esta obra traz suas observações e comentários sobre aspectos da Itália, sua História, sua Cultura, Usos e Costumes, fartamente ilustrada com imagens da arquitetura italiana, incluindo detalhes construtivos e ornamentais. Diz o autor:

Quando concluído o texto que agora desenvolvo, publicarei uma obra técnica comparando a arquitetura rural do Norte da Itália com a arquitetura da imigração italiana no Rio Grande do Sul, para isso fui pesquisar na Itália. Por ora, deixo fluir minhas razões e minhas emoções. Sincero e jamais indiferente”.

 

Posenato Arte & Cultura, 2ª edição, 264 páginas, esgotado

A obra recebeu o prêmio nacional de arquitetura do IAB/RJ. Capítulos: 1 – Um pouco de história (Luis A. de Boni); 2 – Uma cidade histórica (Júlio Posenato); 3- Patrimônio da humanidade (Júlio Posento); 4 – Patrimônio arquitetônico (Maturino Luz, Paulo Cesa Filho e Jorge Waquil; 5 – A preservação cultural através de uma prática de ensino (Prof. Nestor Torelli Martins e alunos); 6 – Nosso passado histórico (Telmo Marcantonio Cunha); 7- A arquitetura rural de Antônio Prado (Júlio Posenato); 8 – A linha Gomercindo (Claudio Tieppo).

Posenato Arte & Cultura, 1989, 204 páginas, esgotado

Partituras com letra e música de cânticos em Talian para uma missa.

Posenato Arte & Cultura, 2011, 16 páginas

O sentido simbólico do espaço analisado através da história, o espaço simbólico na arquitetura, a Nova Jerusalém nas escrituras, paradigma para os espaços de celebração, espaços de celebração conflitantes com a Nova Jerusalém, espaços de celebração conformes com a Nova Jerusalém, dever coletivo: superar a barreira entre teoria e prática.

Publicações

Arquitetura da Imigração Italiana no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: EST/EDUCS, 1983, 600p, policromia (esgotado);

Arquitetura da Imigração Italiana no Espírito Santo. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 1997, 560p, il.;

Arquitetura da imigração italiana em Santa Catarina. Porto Alegre: Exclamação, 2020, 862 p., Il. (e-book disponível na Amazon.com);

Pesquisando arquitetura. Porto Alegre: 1. ed. Corag, 2016, 408 p., Il;

Pesquisando arquitetura: manual de procedimentos. 2. ed. Amazon, 2020, 420p., Il. (e-book).

Antônio Prado – Cidade Histórica (coordenador e co-autor). Porto Alegre: Posenato Arte & Cul­tura, 1989, 204p;

Belas Aldeias Italianas. Porto Alegre, Posenato Arte & Cultura, 1987, 264p. (esgotado, duas edições);

O Simbolismo na Arquitetura dos Espaços de Celebração – a forma arquitetônica da Nova Jerusalém. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 2007, 138p., il.

Analisi Comparata dell'Architettura Rurale dell'Italia Settentrionale e di quella dell' Immigrazione Italiana nel Rio Grande do Sul, em “Euroamericani” vol.3. Turim: Fondazione Giovanni Agnelli, 1987, p.286-308;

A Colônia Alfredo Chaves e seus Municípios, em “Diccionario Historico Geographico e Estatistico do Municipio de Alfredo Chaves”. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, l987, p. I-XX;

A Arquitetura Residencial Rural do Norte da Itália e a da Imigração Italiana no Rio Grande do Sul, em “A Presença Italiana no Brasil”. Porto Alegre: EST/FGA, 1987, p.452-488;

A Casa dos Imigrantes Italianos e A Arquitetura Sacra do Imigrante Italiano, em “An­tropologia Visual da Imigração Italiana”. Porto Alegre: EST/UCS, 1976, p.16-42; p. 92-112;

Arquitetura da imigração italiana no Espírito Santo, em “Imigração Italiana no Es­pí­rito Santo – Uma Aventura Colonizadora”. Vitória: Universidade Federal do Espí­rito Santo, 1998, p. 230-247, il.;

A Cidade Italo-Rio-Grandense, em “Seminário Leituras da Cidade”. São Leopoldo: Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 1996;

A casa Guglielmin e o custo da construção em 1925, em "Etnias e Carisma". Porto Alegre: EDIPUCRS, 2001, p. 604-613 e 1151-1157.

A Arquitetura do Norte da Itália e das Colônias Italianas de Pequena Propriedade no Brasil, em “Turbulência Cultural em Cenários de Transição – o século XIX Ibero-americano”. São Paulo: EDUSP, 2005, p.51-88, il.;

As cidades da imigração italiana no Brasil, em “XI Seminario de Arquitectura Latinoamericana”. Oaxtepec: México, 2005, publicação eletrônica.

As cidades de madeira do Rio Grande do Sul, em “XII Seminario de Arquitectura Latinoamericana”. Concepción-Chiloé: Chile, 2007, p.15.

 A redução de resíduos na construção civil, em “XIII Seminario de Arquitectura Latinoamericana”. Ciudad de Panamá: Panamá, 2009, publicação eletrônica;

O sentido simbólico do espaço de celebração. Tear: liturgia em revista, nº 35. São Leopoldo, 2010, p. 16-19.

Arquitetura da imigração italiana, em "Almanaque talian". Pinto Bandeira: Araucária, 2016, p. 170-192.

Arquitetura da imigração italiana no Rio Grande do Sul, em “150 anos imigração italiana”. Bento Gonçalves: Proyeto Culural Sur/Brasil, 2019, p. 112-132.

Contribuições dos italianos na arquitetura brasileira (colaborador). São Paulo: Fiat do Bra­sil, 1981, 96p;

Apresentações e orelhas de livros (mais de uma dezena).

Arquitetura: da Itália ao Brasil (em preparação).

Vídeos

Arquitetura da Imigração Italiana no Rio Grande do Sul. Turim: Fondazione Giovanni Agnelli, 1981, Audiovisual;

Arquitetura da Imigração Italiana em Bento Gonçalves; Bento Gonçalves, 1992.

Mostras Fotográficas

Arquitetura da Imigração Italiana no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Fondazione Giovanni Agnelli / Tumelero, 1980 (1a edição); 1982 (2a edição).

Tesouro Perdido: Lagoa Vermelha e seus Distritos em 1940: Porto Alegre: Tumelero/Kodak, 1993;

A Casa Mãe: Museu das Irmãs Franciscanas de N. Sra. Aparecida, Porto Alegre, 1995.

Recursos Públicos para a Cultura, em “Guia do Dirigente Municipal de Cultura”. Porto Ale­gre, FAMURS [1996], p.73-82;

Herança cultural e crescimento econômico, em “Gestão Descentralizada de Proje­tos Ambientais – referência conceitual”. Porto Alegre: FEPAM, 1998, p. 42-50;

Imigração italiana no Rio Grande do Sul: fontes históricas (colaborador). Caxias do Sul: EDUCS/ EST, 1988, 224p;

Verás que um Filho teu não Foge à Luta. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 1989, 272p. (três edições, livro mais vendido em Porto Alegre durante vários meses);

A Família Salton e a Empresa Vinhos Salton SA, em “Cinquantenario della colonizzazione italiana nel Rio Grande del Sud”. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 2000, p.I-XXIII, vol II, ed. fac-símile;

Talian – identidade cultural e língua, em “Imigração Italiana e Estudos Ítalo-Brasileiros”. Ca­xias do Sul: EDUCS, 1999, p. 255-280;

Messa de Ringrassiamento. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 2011,

Bepi Minghin, em Bovolone: Comune di Bovolone, “Concorso Letterario Internazionale in Lingua Veneta ‘Mario Donadoni’ – VIII edizione”. 2004, p. 50-52.

Fabro Volpi, em Bovolone: Comune di Bovolone, “Concorso Letterario Internazionale in Lingua Veneta ‘Mario Donadoni’– Nona Edizione”, 2005, p. 162-163 (primeiro prêmio).

Vin de Ragni, em Bovolone: Comune di Bovolone, “Concorso Letterario Internazionale in Lingua Veneta ‘Mario Donadoni’ – Decima Edizione”, 2006, p. 214-216.

Fero da sopressar cole bronse e carne del màs-cio, em Bovolone: Comune di Bovolone, “Concorso Letterario Internazionale in Lingua Veneta ‘Mario Donadoni’ – Undicesima Edizione”, 2007, p. 170-171.

Plàtani, em Bovolone: Comune di Bovolone, “Concorso Letterario Internazionale in Lingua Veneta ‘Mario Donadoni’ – Dodicesima Edizione”, 2008, p. 162.

Música coral ítalo-brasileira. Anais do 5° Seminário Íbero-Americano de Diversidade Linguística. Foz do Iguaçu: IPHAN – Ministério da Cultura, 2016, p. 211-217.

A música ítalo-brasileira, em "Almanaque talian". Pinto Bandeira: Araucária, 2016, p. 170-192.

Messa de Ringrassiamento. Porto Alegre: Posenato Arte & Cultura, 2011, 16p.

Dolsi ricordi, em “Il Piacere di Cantare”. Caxias do Sul: Lorigraf, 2000, p. 141-146.

Marcos da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, 08 jan. 1981.

Fotografias documentam a imigração italiana. Porto Alegre: Folha da Tarde, 01 fev. 1981.

Inaugura hoje exposição que mostra principais marcos da colonização italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, 02 fev. 1981.

As casas de pedra dos imigrantes. Porto Alegre: Correio do Povo, 15 fev. 1981.

A cerâmica nas construções dos imigrantes italianos. Porto Alegre: Correio do Povo, 14 jun. 1981.

O ferro na arquitetura da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 26, 13 fev. 1982.

Construções provisórias dos imigrantes italianos. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 30, 13 mar. 1982.

Arquitetura urbana de imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 33, 03 abr. 1982.

Arquitetura rural na imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 36, 01 maio 1982.

A casa do colono italiano. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 39, 22 maio 1982.

A cozinha do colono italiano. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 40, 29 maio 1982.

A Cozinha do colono italiano (complementacão). Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 41, 05 jun. 1982.

Instalações de apoio na casa do colono italiano. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 46, 10 jul. 1982.

O colono italiano e suas edificações complementares. Porto Alegre: Letras & livros nº 47, 17 jul. 1982.

Imigrantes italianos podem, ainda hoje, dar lição aos arquitetos. Entrevista a Roberto Antunes Fleck. Porto Alegre: Correio do Povo, 17 jul. 1982.

O lote do colono italiano. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 49, 07 ago. 1982.

Arquitetura religiosa da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 51, 21 ago. 1982.

Capelas e matrizes da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & livros nº 56, 25 set. 1982.

O ciclo da imigração italiana na arquitetura brasileira. Porto Alegre: Letras & Livros nº 68, 18 dez. 1982.

Portas e janelas da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 71, 15 jan. 1983.

Bases da arquitetura da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 76, 19 fev. 1983.

Arquitetura ítala, diferente e peculiar (titulo alterado pelo jornal: no original, Conceito e características da arquitetura da imigração italiana). Caxias do Sul: Correio Riograndense, 18 maio 1983.

A melhor arquitetura popular do Brasil. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 25 maio 1983.

Arquitetura comercial da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 89, 28 maio 1983.

Bases da arquitetura da imigração italiana. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 08 jun. 1983.

As construções provisórias. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 29 jun. 1983.

Arquitetura industrial da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 95, 09 jul. 1983.

Os sentimentos na arquitetura italiana. Caxias do Sul, Correio Riograndense, 20 jul. 1983.

A roda hidráulica. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 98, 30 jul. 1983.

Austeridade e expressão decorativa na arquitetura da imigração italiana. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 07 set. 1983.

Sem o comércio, italianos aperfeiçoam a arquitetura. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 12 out. 1983.

O gótico em madeira na imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 111, 22 out. 1983.

Arquitetura aculturada da imigração italiana. Porto Alegre: Correio do Povo, Letras & Livros nº 114, 12 nov. 1983.

A madeira presente na arquitetura italiana. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 23 nov. 1983.

Arquitetura da imigração italiana: a melhor arquitetura popular do Brasil. Caxias do Sul: O Pioneiro, 25 fev. 1984.

A pedra na arquitetura dos nossos imigrantes italianos. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 04 abr. 1984.

A alma da reafirmação dos valores populares. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 25 abr. 1984.

Antônio Prado: uma cidade histórica. Porto Alegre: Zero Hora Cultura, 13 out. 1984.

A madeira na arquitetura dos imigrantes italianos. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 20 fev. 1985.

O arenito na arquitetura da imigração italiana. Caxias do Sul: Correio Riograndense, 20 nov. 1985.

Olhe para o céu: uma maravilha! Caxias do Sul: Correio Riograndense, 10 set. 1986.

Patrimônio cultural. Nova Prata: Folha da Serra, 27 maio 1987.

Patrimônio cultural não enche a barriga? Não se enche a barriga sem patrimônio cultural. Nova Prata: Folha da Serra, 10 jun. 1987.

Vale a pena conservar o passado? Nova Prata: Folha da Serra, 26 jun. 1987.

Antônio Prado: patrimônio da humanidade. Porto Alegre: Zero Hora, 06 ago. 1988.

Artigos publicados em:

Correio do Povo, Porto Alegre;

Folha da Tarde, Porto Alegre;

Letras & Livros (suplemento do Correio do Povo), Porto Alegre;

Zero Hora (Porto Alegre);

O Pioneiro (Caxias do Sul);

Folha da Serra (Nova Prata).